6 de mai de 2016

Resenha - Laços do Espírito

Livro: Laços do Espírito #05
Série: Academia de Vampiros
Autora: Richelle Mead
Editora: Agir
Páginas: 426
Gênero: Sobrenatural/Vampiros
Sinopse: "Depois de uma longa e dolorosa viagem à Sibéria, terra natal de seu amado Dimitri, Rose Hathaway finalmente voltou à escola e reencontrou sua melhor amiga, Lissa. A formatura se aproxima, e elas mal podem esperar pela vida que vão ter além dos portões da São Vladimir. No entanto, o coração de Rose dói cada vez que se lembra do que passou na Rússia o fracasso em salvar Dimitri e do que ainda precisará enfrentar. Sua jornada inclui libertar o perigoso Victor Dashkov da prisão de segurança máxima e encontrar Robert Doru, o único que possui informações para resgatar Belikov das terríveis profundezas de sua condição de Strigoi. A vampira acredita existir apenas uma chance em um milhão, até porque Dimitri continua sua perseguição para matá-la. Sentenças de morte e declarações de amor se confundem, e ela precisa correr contra o mais implacável dos inimigos: o tempo. E, dessa vez, Rose prometeu a Lissa que a levaria junto. Será que a princesa Moroi terá forças quando souber o que a espera? Em “Laços do espírito”, Richelle Mead continua a saga que renovou a literatura de vampiros e apresenta uma história repleta de dilemas, intrigas políticas e emoções extremas que vai conquistar mais uma vez os leitores."

* alerta de spoilers do livro 1, 2, 3 e 4 da série por esse ser o 5° *

Rose está de volta ao São Vladimir. Ela quer terminar seus estudos e enfim se formar como guardião para assim perseguir atrás de seu sonho de ser a guardiã da última Dragomir, Lissa. Porém seu passado não abandona: Dimitri ainda Strigoi, avisou e faz ameaças falando que irá matá-la. Ao mesmo tempo Rose tenta achar uma possível ou impossível cura para ele ser novamente um dampiro.

Foi um dos livros com o início mais massante da série. A parte introdutória que consiste na reta final da Lissa e da nossa dampira na escola, a prova final, cerimônia de formatura e tudo mais foi um pouco chata. Acredito que de todos os 5, Laços do Espírito é o que mais deixou à desejar.

" —Concordo com você. Mas isso não quer dizer que eu eu não vá levar o "conselho" dele a sério. Meu rosto é bonito demais para correr riscos." pág. 31

Decisões são tomadas que irão afetar a história toda. Pessoas dos primeiros livros, Victor,  irá voltar e será peça chave no desfecho de parte do livro. Depois do que vai acontecer com o Dimitri, mais uma vez teremos um triângulo amoroso. Confesso que por um momento, fiquei mais team Adrian por quanto nosso ex-dampiro voltou a ser chato novamente. 

Volto a falar novamente que apesar da história ser bem importante para o desfecho final da série, foi umas das mais alongadas e chata. Richelle jogou bastante informação e foi desmembrando ela e eu não gostei tanto assim. Lá pelas 150 páginas finais é que sim vi uma movimentação maior e que faz jus da Academia de Vampiros. Por uma reviravolta, morte de uma pessoa importantíssima, pessoas acusadas, o final será a introdução do Último Sacrifício, sexto e fim da série.

Adorei a Lissa estar mais confiante e mais presente no sentido de comandar e ter personalidade  própria. Agora consigo ver um crescimento e amadurecimento delas que veio através dos livros e que até o final será muito maior. A participação dela aqui é ENORME. Tem até um momento que a Rose sente inveja dela porque Dimitri passa à dar mais importância a nossa princesa. O ponto fundamental é que nossa autora deixou mais claro isso e ficou mais fácil de perceber a evolução dela.

" —Quero você, Rose - ele apertou minha mão com mais força —Sempre quis. Quero ficar com você. Queria ser como os outros caras e também dizer que quero cuidar de você, mas... bem... quanto a isso, você deve cuidar de mim." pág. 286

Já Rose se mostrou bem mais instável. Impulsiva, como sempre foi, seu lado de querer ajudar as pessoas e de sempre querer estar à frente de tudo, está mais amplo. E isso vai levar ela em várias furadas e caminhos que não precisava tomar. Christian volta em cena tendo um possível reatamento com a nossa Dragomir, Abe  terá uma participação maior no final, a rainha também se fará mais presentes por decisões que devem ser tomadas e haverá entrada de novos personagens.

Não foi uma história ruim, todavia está bem longe de ser uma das melhores. A única coisa que difere do Aura Negra (2° livro) que também foi chato ao meu ver, é que esse se torna necessário porque trouxe o começo daquilo que a autora quer pro desfecho final. Por isso estou ansiosa para o último livro!

E vocês, já leram a série Academia de Vampiros?

0 comentários :

Postar um comentário

Olá! Colocar um comentário me deixaria muito feliz pois saber sua opinião é essencial para o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre :)