24 de fev de 2016

Resenha - Uma Noite e Nada Mais

Livro: Uma Noite e nada Mais #1
Série: Uma Noite e Nada Mais
Autora: Whitney G.
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 121
Gênero: Erótico
Sinopse: "Andrew Hamilton é um advogado extraordinário que só se envolve com mulheres que conhece pela internet. Sua astúcia e beleza, porém, preservam um segredo do passado – aquilo que fez dele o homem que hoje é. Seu lema com as mulheres é simples e direto: “Uma noite e nada mais”. Até o dia em que uma mulher especial entra em sua vida, fazendo-o rever suas convicções sobre relacionamentos e virando seu mundo de pernas para o ar..."

Primeiro livro da trilogia Reasonable Doubt o livro cumpriu o que era esperado. Ele é bem curtinho, narrado pelos pontos de vista da Aubrey e do Andrew intercaladamente. Veio a ser um atiçador para os próximos livros.

Andrew como diz a sinopse é advogado de uma alta empresa e um completo babaca com relação às mulheres. Usa e abusa, sem se importar com os sentimentos delas até conhecer uma garota que muda tudo. Aubrey ou Aly é uma menina que tem sonho de tornar-se uma bailarina profissional só que seus pais não apoiam fazendo com que ela siga a carreira deles: direito. A partir daí, com alguns acasos os dois acabam trabalhando juntos e saem faíscas por todos os lados.

A atração dos dois é grande, e tão grande que chega a dar Andrew uma certa bipolaridade. Temos reviravoltas, descobertas e segredos que vão atrapalhar o casal. Aliás um ponto marcante da história é o quanto abominável o advogado é contra mentiras. Aly mostrou ser uma personagem meio pacata em personalidade apesar de que em alguns momentos ela levanta a voz para o advogado. Não se destacou muito mesmo sendo uma das protagonista.

"-Uma vez que alguém mente para mim, esse alguém morre para mim. Para sempre. Lembra-se de eu te dizer isso?" 

Uma Noite e Nada Mais não é ruim para você ler em algumas horas ou passar o tempo. Pra quem curte o gênero, com certeza será um prato cheio até pelo gancho que é deixado no final. Fãs de erótico recomendo. Confesso que nem sabia que ele era um livro de trilogia. Me surpreendi com o final em aberto!

E ai, se aventurariam nesse mundo criado pela Whitney? Deixa nos comentários (;

4 comentários :

  1. Todos que leem essa trilogia fica completamente apaixonada por essa história, ainda não li, não que a história não me chama a atenção, mas pelo fato de que aborda um gênero que tenho receio de ler, porém tenho muito vontade de ler os livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou lhe confessar que erótico já foi mais meu gênero só que hoje não leio mais com frequência, mas vou fazer um post aqui falando sobre livros eróticos! Depois dê uma olhada e veja se esse gênero lhe interessa.

      Excluir
  2. Acho que eu socaria o protagonista da historia, enfim, fiquei curiosa para poder ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. também haha
      são coisas que eu leio, mas não consigo me encaixar nessas situações!

      Excluir

Olá! Colocar um comentário me deixaria muito feliz pois saber sua opinião é essencial para o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre :)